Search Images Maps Play YouTube News Gmail Drive More »
Sign in
Books Books
" E se, vencendo a Maura resistencia, A morte sabes dar com fogo e ferro , Sabe tambem dar vida com clemencia A quem para... "
Obras do grande Luis de Camões ... - Page 113
by Luís de Camões - 1815
Full view - About this book

A New Portuguese Grammar in Four Parts, ...

Anthony Vieyra Transtagano, Antonio Vieyra - 1768 - 392 pages
...minha, Pois te naõ move a culpa, que naõ tinha.. E fe vencendo a Maura refiftencia, A morte fabes dar com fogo, e ferro, Sabe tambem dar vida com clemencia, A quem para perdella naõ fez erro: Mas fe to adi merece efta innocencia. Poemme em perpetuo e mifero defterro,...
Full view - About this book

Geschichte der Poesie und Beredsamkeit seit dem Ende des dreizehnten ...

Friedrich Bouterivek - 1805 - 438 pages
...e minha, Pois te naO move a culpa que nap tinha. E fe vencenJo a Maura refíftencia A inorte fabes dar com fogo, e ferro; Sabe tambem dar vida com clemencia A quem para perdé -la паб fez erro. Mas fe to affi merece cita innocencia, Poe- me em perpetuo e mifero deftcrro,...
Full view - About this book

Œuvres. Nouveaux mélanges, Volume 1

Jean Pierre Claris de Florian - 1810 - 444 pages
...; Mo v ate a piedade sua , e minha, Pois te naÕ more a culpa que na5 tinha. E se, vencendo a maura resistencia . A morte sabes dar com fogo e ferro, Sabe tambem dar vida cora clemoncia A quem para perdella naÕ fez erro : Mas se fo assi merece esta innocencia „ Pnemme...
Full view - About this book

Mélanges de poésie et de littérature. Nouveaux mélanges de poésie et de ...

Florian - 1812 - 394 pages
...piedade sua, e minha. Pois te não move a culpa que não tinha. E se i vencendo a maura resistência, A morte sabes dar com fogo e ferro ; Sabe tambem dar vida clemência A quem para perdella não fez erro : Mas se to assi merece esta innocencia, Poemme em perpetuo...
Full view - About this book

De la littérature du Midi de l'Europe,

Jean-Charles-Léonard Simonde Sismondi - 1813 - 596 pages
...pardonner ; mais le peuple obstiné, et le des(i) Cant. m, Strop. i28. E se vcncrntln a manra resUtencia, A morte sabes dar com fogo e ferro, Sabe tambem dar vida com clemencia A quem para perdêla naô fez eiro. Mas se to assi merece esta innocencia, Poé-me em perpétue e misera desterro, Na Scythia...
Full view - About this book

Obras do grande Luis de Camões ..., Volume 1

Luís de Camões - 1815
...Mova-te a piedade sua, e minha, Pois te naõ move a culpa que naõ tinha. CXXYIiI. E se vencendo a Maura resistencia A morte sabes dar com fogo, e ferro; Sabe...desterro, Na Scythia fria, ou lá na Libya ardente, Onde cm lagrimas viva eternamente. CXXIX. Põe-me onde se use toda a feridade; Entre leões, e tigres; e...
Full view - About this book

Os Lusiadas, Volumes 1-2

Luís de Camões - 1818
...Mova-te a piedade sua , e minha , Pois te naõ move a culpa que naõ tinha, i28. E se vencendo a Maura resistencia , A morte sabes dar com fogo , e ferro...naõ fez erro. Mas se to assi merece esta innocencia , Pôe-me em perpétuo e misero desterro , Na Scythia fria , ou lá na Libya ardente , Onde em lagrimas...
Full view - About this book

Os Lusiadas: poema epico

Luís de Camões - 1819 - 548 pages
...Mova-te a piedade sua, e minha, Pois te na"b move a culpa que não tinha. cxxvm. E se vencendo a Maura resistencia, A morte sabes dar com fogo e ferro, Sabe tambem dar vida com clemencia A quem para perde-la na"b fez erro. Mas se to assi merece esta innocencia, Poem-me em perpetuo e misero desterro,...
Full view - About this book

Memoirs of the Life and Writings of Luis de Camoens, Volume 2

John Adamson - 1820 - 420 pages
...delia : Mova-te a piedade sua, e minha, Pois te naõ move a culpa que naõ tinha. E se vencendo a Maura resistencia A morte sabes dar com fogo, e ferro ;...Libya ardente, Onde 'em lagrimas viva eternamente. Huísf tie Camoens. Põe-me onde se use toda a feridade ; Entre leões, e tigres ; e verei Se nelles...
Full view - About this book

Œuvres Mélanges de poésie et de littérature

Jean Pierre Claris de Florian - 1820 - 244 pages
...delia; Mova-te a piedade sua, e minha. Pois te nao move a culpa que nào tinha. E se , vencendo a maura resistencia, A morte sabes dar com fogo e ferro ; Sabe tambem dar vida clemencia A quem para perdella náo fez erro : Mas se to assi merece esta innocencia, Poemme em perpetuo...
Full view - About this book




  1. My library
  2. Help
  3. Advanced Book Search
  4. Download EPUB
  5. Download PDF